Pages

Subscribe:

19 julho 2010

Meu Aparelho, Meu Namorado.

Notei que nunca mencionei aqui como é minha relação amorosa com meu aparelho auditivo que nunca teve um nome, apenas o chamo de aparelho! E olha que esse aí tem cada história, afinal não só ele, todos os meus 3 aparelhos e hoje uso o 4°.

Logo que tive alta no hospital, só se passaram 2 meses que fui pra Belém, e neste lugar passei um bom tempo fazendo todos os exames para detectar o grau da perda auditiva e adquirir o laudo médico para o uso do aparelho auditivo AASS, e tive logo que me adaptar, por recomendação médica, para que eu não perdesse a fala e praticasse fono para ter uma noção melhor dos sons produzidos.

Então foi com 4 anos que o tive pela primeira vez e nunca considerei isso estranho e nem reparava alguém me olhando com aquela coisa grande na minha miúda orelha, e ainda não sabia colocar o aparelho, era a mamãe ou o papai que colocavam pra mim, sempre segurando a minha cabeça quase encostando no ombro e também, inevitavelmente, sacudindo total o crânio para encaixar aquela prótese de borracha (que era feito na época) no ouvido interno e eu saia tontinha pela casa inteira rsrsrsrs.

Hoje, como falei, uso o 4.° aparelho auditivo no qual recuso falar sua marca com medo de sofrer processo de algum fabricante já que não tenho a autorização #medo. Mas não posso deixar de colocar aqui, que todos os meus aparelhos sempre foram da cor bege e os obtive graças à ajuda financeira da minha Vô Nely que faleceu eu 2006, no qual devo meu amor e imensa gratidão pela sua existência, no início desse ano ganhei o mais novo atual e mega aparelho auditivo digital que anda me trazendo aquelas maravilhas que antes não experimentara, da minha tia Ângela que é filha da minha vô Nely e irmã do meu pai onde reside em Minas Gerais, Barbacena, se quiserem ter um é só falar com ela (brincadeira hauhauhua). (Amo você Tia)

Achei maravilhosa essa nova tecnologia digital, minha voz ficou mais clara, consigo identificar melhor os sons e olhar na direção certa de os barulhos estão vindo e, melhor ainda, consigo pegar um bom som de uma música, é ótimo pra música, fiquei felizona com isso! Ainda tenho o 3° guardado, porém não o uso porque esse digital superou o coitado, mas deixa o menino descansar, foram 7 anos usando o  3°! Apesar da tecnologia, esse aparelho não tem liga e desliga, por isso tenho que sempre levar o estojo do par de aparelhos na bolsa, isso é irritante, porque tem dias que não dá pra agüentar a “encheção” de saco dos barulhos patrulhando no meu ouvido e não tem como desligar e tenho que tirar da orelha e ainda por cima tirar a pilha porque fica apitando e todo mundo pergunta “QUE BARULHO DOIDO É ESSE??”.

E devido ao meu tipo de perda auditiva, consigo captar sons como carro, buzina, latido, alguma música tocando, tipo de estilo de música, alguém gritando (especialmente argh) e é difícil, mas até consigo, se eu prestar muita atenção: canto de passarinho! Mas fonemas, como palavras são pronunciadas não consigo, afinal, tive uma perda bem na periferia do meu cérebro que danificou o nervo auditivo e acreditem, nem esse digital faz milagre, mas que ajuda, ajuda!

Quando tinha 11 anos eu odiava andar de aparelho auditivo, era todo mundo reparando e perguntando e eu tinha uns chiliques e choros que cheguei até a pedir pra mamãe pra comprar aqueles aparelhos que fica no ouvido interno! Como na imagem ao lado, assim ficava em paz comigo mesma! ¬¬ Mas tu mesmo gabii!

Hoje ando com ele na boa, sempre vou com ele pra universidade e qualquer lugar, mas tem dias que não dá, prefiro deixar meu namorado em casa mesmo, mas vou te falar, ele é chato tem hora, fica toda hora falando no meu ouvido assim não dá meu!

Quem mais pergunta o que é isso na minha orelha são as crianças de 1 a 9 anos, e eu sempre tento explicar pra elas da melhor maneira possível para que entendam, entre elas:
·       
         Tenho um problema no ouvido e tenho que usar!  
         Meu ouvido não funciona por isso uso! Rsrsrs
         Tenho dodói no ouvido e uso isso! 
             Eu não escuto direito!

É tantas, a última peça que perguntou o que era isso na minha orelha foi meu primo de 3 anos, uma graça, o menino entendeu tudo e até falou: tu não escuta e eu “é, não escuto!

O fato de perguntarem tanto é que acham que na minha orelha mora um brinquedo e aposto que elas tem vontade de usar também e tem uns que querem tocar no coitado toda hora e já teve um diabinho que tentou tirar o menino quase levando junto a minha orelha. Rsrsrs

E teve uma vez que fui tomar banho e quando dei por mim tava com o seu Zé, e saí desesperada do banho e tirei da orelha e fiquei sobrando, ligando e desligando pra ver se ainda funcionava! Ontem (18 de julho) estava na casa do meu namorado e resolvemos tomar banho de piscina e fui me trocar e chegando lá ia me preparando pra dá aqueles pulo ai o Alielton me parou e falou “Tirou teu aparelho?” e eu “Claro seu doido!”, ele começou a rir, porque sabe que sou meio esquecida nas coisas, depois disse “Mas a piscina é muito rasa pra esse pulo que tu queres da!”. Ta bom amor!!

Gente, tenho mais, mas guardarei para caprichar meu Blog certo! Até!

9 Comente!:

tehs disse...

menina!!!!!!!! adorei seu blog .... tbm comecei usar aparelho com 4 anos ... tive experiencias parecidas como a sua!
vamos trocar email pra trocar exxperiencias ... bjocas ...

Gabi VA. disse...

Brigada, era essa o objetivo do meu Blog, encontrar pelo mundo afora pessoas como eu e vc e trocar experiências pq isso é muito, muito bom!!
Brigada por ter encontrado meu Blog hehehe!

Gabi VA. disse...

Ah ia me esquecendo, meu e-mail gabi.ru.18@hotmail.com, tb msn. A gente se fala por ai!!

Mariana disse...

"Que barulho doido é esse?" hahahaha ou então, quando tiro o aparelho, e as pessoas me olham ja me denunciando. rs
Eu nasci com perda bilateral, mas os medicos diziam que eu tinha uma audição perfeita, quando fui pra outro medico, em outro estado, e este finalmente disse que eu tinha problema auditivo, comecei a usar o aparelho aos 7 anos, mas nao gostava dele, me deixava nervosinha, com dor de cabeça, e não era vergonha não, como meus pais sempre diziam e eu sempre tinha que negar. passei quase 10 anos sem usar aparelho, mas em 2008 senti necessidade, porque minha audicao piorou, e cá estou, com um aparelho, mas é digital, me apaixonei na hora! Esse sim, nao consigo tirar de mim, consigo ouvir bem melhor ;)
mto bom conhecer teu blog, visitarei outras vezes :)

Gabi VA. disse...

Mariana, me desculpe, tava muito Ocupada, como só eu arrumo o Blog, então se to atarefada na Universidade, mal entro e atualizoo! Obrigada pelo comentário.
Realmente, aparelho é coisa boa, pra mim ele não faz milagre, mas me ajuda e muitoo, mas ah, todo mundo me perguntar de onde vem o barulho quando arrumo esse coitado do digital hauhaua

Juliana disse...

Olá,
adorei seu blog, minha mãe que achou e me indicou.
perdi a audição do meu ouvido esquerdo quando pequena, mas diferentemente de você até hoje não sei o porque, só que no meu caso a do ouvido esquerdo é irreversivel, a não ser que eu faça implante coclear.
Ano passado perdi parte da audição do ouvido direito e hoje em dia uso aparelho, já usei quando pequena, mas o ganho que eu tinha era muito pequeno, e eu tinha vergonha pois sofria muito preconceito por parte dos meus "amigos".
Enfiim, adorei o seu blog.
Parabéns pela iniciativa.

Gabi VA. disse...

OI JULIANA, tudo bem?

Todos nós passamos por experiências de preconceito e isso sempre vai existir, especialmente por aqueles que são ignorantes, então devemos os ignorar também.

Você perdeu bem recente num é? Espero que faça exames sempre e fono! Ah, eu não posso usar implante coclear, contarei aqui o porquê! Mas fazer oq né?? A vida, a vida hahaha

Anônimo disse...

Oi Gabi adorei seu blog pois sua história falou muito comigo . eu tbm uso aparelhos auditivos nos dois ouvidos
eu comecei a usar com 16antes de usar eu sofria muito na escola as pessoas da minha sala me chamava de surda me ingnoravam na minha casa tbm meus pais e meus irmãos desconfiarão q eu nao estava escutando muito bem então meus pais resolverão me levar no medico quando cheguei lá e fiz os exames os medicos falarão q eu ja tinha perdido a metade da minha aldiçao nao descobrirão pq o motivo da perda ,eu ainda repetir os exames 3 vezes e eles nao descobrirao o motivo eles so podem me falar q eu perdi aproximadamente a metade da minha aldiçao e disserão q eu tinha q usar aparelhos nos dois ouvidos .nossa eu comecei a chorar pois eu nao me conformava foi muito trsite pra mim entao meus pai conprou os dois aparelhos rapidamente pra mim e comecei a usar nossa pra mim foi muito dificil pois eu comecei a ficar com medo de sofrer preconceito e sempre usava meu cabelo solto com medo de mostrar e ate hoje eu tenho medo de sofre preconceito hoje tenho 19 anos e muitas pessoas me apaia como meus pais amigo meu namorado .
haaa... esse barulinho de microfonia q chama atenção do povo rsrs e estranho mesmo todo mundo fica perguntando q barulho e esse as vezes eu nem escuto o barulinho mais quando vejo as pessoas perguntando, posso saber q é o aparelho apitando rsrsrs eu tbm sou muito esquecida as vezes quando vou tomar banho eu esqueço de tira _los e penso uai to escultando alto o barulho do chuveiro depois q cai a ficha q estou com eles kkkkkkkkk eu ate achei engraçado a sua história pq ela e meia parecida com a minha
bjos depois volto visitar seu blog novamente

nara disse...

Oi Gabi adorei seu blog pois sua história falou muito comigo . eu tbm uso aparelhos auditivos nos dois ouvidos
eu comecei a usar com 16antes de usar eu sofria muito na escola as pessoas da minha sala me chamava de surda me ingnoravam na minha casa tbm meus pais e meus irmãos desconfiarão q eu nao estava escutando muito bem então meus pais resolverão me levar no medico quando cheguei lá e fiz os exames os medicos falarão q eu ja tinha perdido a metade da minha aldiçao nao descobrirão pq o motivo da perda ,eu ainda repetir os exames 3 vezes e eles nao descobrirao o motivo eles so podem me falar q eu perdi aproximadamente a metade da minha aldiçao e disserão q eu tinha q usar aparelhos nos dois ouvidos .nossa eu comecei a chorar pois eu nao me conformava foi muito trsite pra mim entao meus pai conprou os dois aparelhos rapidamente pra mim e comecei a usar nossa pra mim foi muito dificil pois eu comecei a ficar com medo de sofrer preconceito e sempre usava meu cabelo solto com medo de mostrar e ate hoje eu tenho medo de sofre preconceito hoje tenho 19 anos e muitas pessoas me apaia como meus pais amigo meu namorado .
haaa... esse barulinho de microfonia q chama atenção do povo rsrs e estranho mesmo todo mundo fica perguntando q barulho e esse as vezes eu nem escuto o barulinho mais quando vejo as pessoas perguntando, posso saber q é o aparelho apitando rsrsrs eu tbm sou muito esquecida as vezes quando vou tomar banho eu esqueço de tira _los e penso uai to escultando alto o barulho do chuveiro depois q cai a ficha q estou com eles kkkkkkkkk eu ate achei engraçado a sua história pq ela e meia parecida com a minha
bjos depois volto visitar seu blog novamente

Postar um comentário

Quero Comentários!